O GUIA DO

Como evitar que minha filha confunda as figuras da avó e da mãe?

In Família on julho 25, 2014 at 5:32 pm

RODRIGO responde: Como dizia Spinoza, avó é avó, mãe é mãe e paca é paca. O temor de que a criança possa não compreender bem o papel da avó em sua vida, embora muito comum, é totalmente infundado.

Já percebeu como até bebês conseguem distinguir o cachorrinho do desenho animado dos verdadeiros que circulam na vizinhança? A capacidade de separar fantasia e realidade surge muito cedo – e uma senhora sempre sorridente, que traz presentes, faz todas as vontades e libera toneladas de brigadeiro não pode ser de verdade, não é mesmo?

Outra preocupação é quando a avó fica encarregada de dar comida e banho, trocar fralda, brincar, levar para passear no parquinho e botar para dormir. Nesse caso, sim, a confusão é frequente. É difícil para a criança saber se essa mulher é a avó ou a babá.

  1. Haha vocês são fantásticos, com uma capacidade de desconstruir uma linha de pensamento na velocidade da luz…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: